• Delpe podologia

O que são calos?

Os calos são áreas endurecidas da pele, formadas por células mortas, que se tornam rígidas e espessas como respostas do corpo a constantes pressões, tem o intuito de proteger os tecidos das camadas inferiores da pele. São comumente encontrados nos pés e nas mãos, mas podem estar em variadas regiões do corpo.


Os calos podem ser moles ou duros.

- Moles: geralmente, muito dolorosos e localizados na zona interdigital (entre os dedos dos pés).

- Duros: situam-se geralmente sobre as articulações dos dedos dos pés ou na lateral do dedo mínimo do pé.



Como formam os calos?

Sapatos apertados ou não adequados ao formato dos pés:

Sapatos de salto alto que aumentam a pressão no antepé;

Fricção contra uma costura do sapato;

Meias de tamanho desajustado, muito grossas.

Deformidades anatômicas dos pés ou dedos: como dedo em martelo ou em garra, Joanetes, marionettes,

Alterações da marcha (caminhada);

Doenças endócrinas e vasculares.


Como evitar calos?

A principal providência para evitar os calos é eliminar a fonte de pressão ou fricção que dá origem à eles.

Corrigir as alterações estruturais dos dedos dos pés ou da forma de caminhar.

Pode também ser aconselhado o uso de palmilhas ortopédicas.


Como tratar os calos?

Depois dos calos formados, a melhor maneira de tirá-los é procurar um podólogo para retirar as células mortas enrijecidas no local. Isto dará um alívio grande além de melhorar muito a aparência.

Nunca passar produtos a base de ácido no local. isto pode causar um dano maior nos tecidos ao redor provocando até infecção.

Como prevenir calos?

Para prevenir o desenvolvimento de calos recomenda-se usar calçados confortáveis para caminhar ou correr. Manter um peso corporal dentro de limites considerados normais também ajuda a evitar o excesso de pressão nos pés.

A hidratação da pele também é importante, mas não se pode esquecer que estes problemas são causados por excesso de pressão.